31 outubro, 2007

305. 25 de março de 2007


o camelô chegou antes de amanhecer armou a barraca naquele ponto de intenso movimento e esperou o dia inteiro as pessoas possiveis fregueses clientes potenciais que passaram indiferentes assim como os guardas municipais que também deram as caras estranhamente ignorando a sua visivel apreensão nada apreenderam e só no fim da tarde um bancário ou securitário meia-idade récem-demitido fez-lhe uma oferta:
"dou três paus nessa barraca, parceiro. um em cash e dois no pré-datado".

2 comentários:

Marcelo Marat disse...

Seus contos possuem o que é essencial nesse tipo de narrativa: ritmo e coerência (a opção do final sempre amarrando tudo). Em blogs isso funciona melhor. Aqui podemos experimentar à vontade. Faça bom uso disso.

Anônimo disse...

http://site.ru - [url=http://site.ru]site[/url] site
site